• Português (Brasil)
  • English (United Kingdom)
  • Deutsch (DE-CH-AT)
  • Español(Spanish Formal International)
  • Italian - Italy
Catarina, a Grande – retrato de uma mulher
Qui, 17 de Maio de 2018 16:58



Especialista na dinastia Románov e autor de
Pedro, o Grande, com o qual venceu o Prêmio Pulitzer, em Catarina, a Grande – retrato de uma mulher o historiador norte-americano Robert Massie se debruça sobre a última mulher a governar a Rússia.

Um dos mais renomados biógrafos dos Románov, a família que governou a Rússia por três séculos, Robert Massie escreveu Nicolau e Alexandra, Pedro, o Grande – sua vida, seu mundo (1980) e Os Románov –  o fim da dinastia (1995). Catarina, a Grande – retrato de uma mulher (Rocco, 2012) é a última biografia do autor (publicada originalmente em 2011).

Com formação em História Americana pela Universidade de Yale e em História Moderna da Europa pela Universidade de Oxford, Massie dedicou a vida a estudar a família imperial russa. Com Pedro, o Grande – sua vida, seu mundo, ele venceu o Prêmio Pulitzer de 1981.

Em Catarina, a Grande – retrato de uma mulher, Massie narra em detalhes a vida pessoal e pública da princesa alemã Sofia Frederica Augusta de Anhalt-Zerbst, a tsarina Catarina II (1729-1796), mais conhecida como “Catarina, a Grande”.  Tendo como referências às próprias memórias da imperatriz, se utilizando de trechos de cartas e diários pessoais, Massie traça o perfil de uma das mais importantes mulheres da história europeia e a última governante da Rússia. A história de uma mulher solitária, desprezada pelo esposo, carente de afeto e amizade, que adotou a religião ortodoxa e a cultura russa; uma amante dos livros que se transformou em uma hábil estadista, que acabou por levar seu país a alcançar um lugar de destaque entre as maiores potências europeias do século XVIII.

Catarina governou o país com mão de ferro durante mais de três décadas, agindo na política com o mesmo ímpeto que agia na cama. A tsarina necessitava de sexo com amantes mais jovens do que ela e se frustava com frequência por suas incapacidades. Mas Catarina foi além da luxúria que marcou muitas das monarquias europeias e Massie conseguiu dar à narrativa biográfica o retrato de uma mulher adepta das ideias iluministas, sensível e ciente de sua importância, preocupada com educação, arte e cultura, assim como as agruras do povo russo.

Catarina, a Grande – retrato de uma mulher é altamente recomendável!

Por Rodrigo Trespach – www.rodrigotrespach.com
Fonte: http://www.rodrigotrespach.com/2018/05/02/catarina-a-grande-retrato-de-uma-mulher/

 

Patrocínio

Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner

Contador

1736654
HojeHoje1112
OntemOntem1453
Essa semanaEssa semana10377
Esse mêsEsse mês26579
TudoTudo1736654
US